A RegiãoDestaquesMovimentos

Sindicato dos Comerciários aciona Justiça por revisão do FGTS

0

A questão está para ser julgada pelo Supremo Tribunal Federal (STF), mas o Sindicato dos Comerciários de Itabuna tomou providência: entrou com ação coletiva na Justiça Federal (processo nº 1003570-35.2021.4.01.3311).

Segundo o presidente da entidade, Joab Alves, “o objetivo da ação é garantir à categoria o direito de correção do índice do FGTS, para os valores recolhidos entre os anos de 1999 e 2013”.

O Peleja falou sobre o tema no início de maio (LEIA AQUI), explicando que a ação a ser julgada pelo STF é para mudar a base de cálculo do benefício, da Taxa Referencial (TR) para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). Se for julgada favorável, os valores devem melhorar.

Compartilhe no WhatsApp

Tentando “tirar braço da seringa”, Pazuello irrita senadores na CPI

Previous article

Um rio entre o público e o privado: Emasa e empresas querem recuperar o Cachoeira

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.