A RegiãoDestaquesPolítica

De olho nas crianças, Prefeitura e Câmara vistoriam obras de hospital em Ilhéus

0

Quase pronto para ser inaugurado pelo governo estadual, o Hospital Materno-Infantil de Ilhéus, recebeu a visita do vice-prefeito Bebeto, a primeira-dama de Ilhéus, Soane Galvão, e vereadores.

A comitiva realizou, nesta quarta (26), as obras da unidade hospitalar Dr. Joaquim Sampaio, que fica no prédio do antigo Hospital Regional Luiz Viana Filho, na Conquista. Com 105 leitos, o hospital contará com UTI neonatal e pediátrica, além de ser referência para toda a região sul em cirurgia pediátrica e parto de alto risco.

“Ilhéus ingressou numa trajetória de profundas mudanças de caráter administrativo e de relação política, se reposicionando nos cenários estadual e nacional. Somos o terceiro polo de saúde do estado da Bahia. Com o hospital, as nossas parturientes terão um tratamento digno. Só uma gestão que cuida e acolhe é capaz de promover a entrega que nós fazemos”, destacou Bebeto.

Para Soane Galvão, essa unidade vai transformar a vida das mulheres. “Quero agradecer ao governador Rui Costa e ao secretário Fábio Vilas-Boas pelo entendimento de que era necessário um hospital materno-infantil na nossa cidade. Também agradeço ao prefeito Mário Alexandre por vislumbrar melhorias e pelo trabalho que vem desenvolvendo.  Esse hospital é a concretização de um sonho. Um sentimento de vitória. Ilhéus merece o melhor”, destacou Soane Galvão.

PRIORIDADE

Segundo o secretário Fábio Vilas-Boas, o governador Rui Costa (PT), sempre colocou a saúde como prioridade da sua gestão. “Ele contribuído com a ampliação e fortalecimento da rede de saúde na região, seja com a construção do Hospital Regional Costa do Cacau, a cessão de servidores da saúde do estado para atuarem nos municípios, bem como a aplicação de recursos na atenção básica e agora na rede materno-infantil”, afirma.

O Hospital servirá, também, como campo para o desenvolvimento do ensino (formação acadêmica e capacitação multiprofissional) e da pesquisa (produção de conhecimento científico e tecnológico em saúde).

Com informações da Sesab e da Prefeitura

Compartilhe no WhatsApp

“Prepara uma avenida que a gente vai passar” na Manoel Chaves, em Itabuna

Previous article

Sem vacina, morte de grávidas será 4 vezes maior, diz Fiocruz

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.