DestaquesGeralPolítica

Agora, Rui apelou: “Sem apoio da população, sistema de saúde vai a colapso”

0

Só mesmo o agravamento da pandemia, a falta de vacinas e a lentidão na vacinação no Brasil para fazer o governador Rui Costa (PT) “apelar”. Durante visita à região Oeste, dia 21, o petista disse que sem apoio da população, o sistema de saúde entrará em colapso.

“Nos últimos dias, registrarmos um crescimento acelerado no número de casos e, nessa situação terrível, temos assistidos com perplexidade a festas clandestinas que fazem a contaminação crescer. Estamos trabalhando muito, montamos uma estrutura grande e hoje temos cerca de 1,6 mil leitos de UTI abertos exclusivos para covid-19 em toda a Bahia”, pontuou.

O governador destacou as medidas restritivas em vigor, mas ponderou: “A única forma de conter o vírus, além da vacinação, é evitando aglomerações, usando máscara e álcool em gel. É necessário que as pessoas se conscientizem disso. Sem o apoio de todos, não vamos vencer a guerra contra o vírus.”

NOVOS LEITOS E COMÉRCIO

Mesmo com o esforço do Estado, Rui explicou os limites para a criação de novos leitos de UTI. “Para criarmos unidades de atendimento, não basta termos o espaço físico, onde construir e adaptar, precisamos de insumos, como oxigênio que, nesse momento, as empresas não têm para fornecer ou, quando têm, não possuem os tanques. Além disso, temos um grande empecilho, que é o maior de todos: a montagem das equipes médicas. Também está faltando no Brasil o chamado kit intubação, fundamental no tratamento de covid-19. Não temos mais como criar leitos. Por isso, é tão importante que cada um faça a sua parte para evitar o crescimento do vírus”, explicou.

O chefe do Executivo também falou sobre economia e comércio. “Sem consumidor, não vai ter comércio funcionando. Sem saúde pública e sem vida humana, não há atividade econômica. Então, é preciso compatibilizar as duas coisas. Vamos respeitar as indicações de segurança e evitar aglomerações, não realizar eventos que colocam muitas pessoas juntas nos estabelecimentos. Se as medidas restritivas forem respeitadas, mais rapidamente poderemos sair desse momento e reabrir os estabelecimentos”.

Com informações da Secom (a imagem do governador sem máscara é durante a gravação do seu programa, sozinho no estúdio)

Compartilhe no WhatsApp

Ilhéus 100% de saneamento básico até junho

Previous article

Péssimo sinal estudar pelo celular à beira de estrada

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.