DestaquesPolítica

TSE pede que STF investigue Bolsonaro por notícias falsas

0

Coincidência ou não, a fala do presidente do Supremo Tribunal Federal (STV) Luiz Fux já produziu um efeito: por unanimidade, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pediu ao Supremo que investigue o presidente Jair Bolsonaro por disseminar notícias falsas.

Encaminhado pelo presidente do TSE, Luis Roberto Barroso, ao ministro Alexandre de Moraes, o ofício inclui o link para a live de Bolsonaro, que usou mentiras para atacar a confiabilidade do voto eletrônico sem apresentar as provas que prometeu.

A decisão do TSE foi motivada pelos ataques do presidente às eleições, Desde que foi eleito, Bolsonaro afirma que houve fraudes em 2018 e que ele teria vencido o pleito em primeiro e não em segundo turno. Ele também tem defendido a ideia de irregularidades em 2014, quando e ex-presidente Dilma Rousseff (PT) ganhou de Aécio Neves (PSDB).

Sem provas sobre os dois fatos, o argumento é usado por Bolsonaro para defender um modelo com voto impresso. Ele acusa Barroso de querer uma eleição manipulada em 2022, mas, também, não apresentou provas.

Com informações do UOL

Compartilhe no WhatsApp

Festival de Talentos e live sobre literatura na semana da educação em Ilhéus

Previous article

Secretários e dirigentes escolares da região sul debatem retorno às aulas

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.