DestaquesGeral

Pesquisa da APLB mostra que 97% dos professores só retornam após vacina

0

Desde que a polêmica sobre o retorno às aulas foi instalada, a APLB-Sindicato decidiu consultar a categoria com uma pesquisa através do seu site. Segundo a entidade, até o dia de hoje, foram consultados 13 mil profissionais em todo o estado. Cerca de 97% decidiram que só retornarão as aulas presenciais após concluírem o calendário vacinal com a segunda dose.

Entre o anúncio do governado nesta terça (de que as aulas retornariam no dia 26) e esta quarta, o clima esquentou entre o governador Rui Costa e o coordenador-geral da APLB, Rui Oliveira.

O dirigente sindical afirmou que a categoria “não pretende retornar” sem que a categoria tome a segunda dose da vacina, prevista para o final de julho e início de agosto. E criticou o governo e a Secretaria de Educação pela ameaça de cortar direitos e benefícios de professores e estudantes, caso desrespeitem a decisão.

“Estamos sendo intimidados. Nós não fomos consultados em nada. Esperamos que o bom senso prevaleça. A nossa luta pela vida, segue! Nossa posição é retornar após 15 dias da segunda dose aplicada em 100% da categoria”, afirmou no site da APLB.

Compartilhe no WhatsApp

Uesc entre as melhores da América Latina reforça orgulho da região sul

Previous article

Wilma valoriza reajuste de 4,52% e comissão para o Plano de Cargos dos servidores

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.