DestaquesPolítica

Metendo a colher na agressão do vice-governador do Mato Grosso a mulher

0

Já acabou o tempo em que não se metia a colher em briga de marido e mulher, especialmente quando tem envolvida autoridade que deveria dar exemplo. O caso mais recente aconteceu no dia 7 de julho: o vice-governador do Mato Grosso, Otaviano Pivetta Pivetta, de 62 anos, foi denunciado pela mulher, a advogada Viviane Cristina Kawamoto, por tê-la espancado na casa que tem em Itapema, litoral de Santa Catarina.

Um laudo de corpo de delito feito pelo Corpo de Bombeiros local comprovou a agressão. Pivetta foi indiciado por crime de lesão corporal leve e responderá à ação no Fórum Criminal do município catarinense. A Justiça já abriu prazo para que o Ministério Público se manifeste.

Pivetta negou que tivesse batido na mulher. Afirmou que ela se feriu ao morder uma de suas mãos. Foi detido, pagou fiança de R$ 6,6 mil e foi embora da delegacia no dia seguinte. Tentou não deixar o caso repercutir no estado usando a força política e econômica.

Nessa confusão, o casal soltou várias versões. Pivetta soltou nota dizendo que foi uma discussão de casal e que os dois tinham o mesmo advogado e que atuaria para arquivar o caso.

Viviane primeiro postou vídeo negando que tenha apanhado e que o marido não era agressor. Depois, postou foto no Instagram segurando um cartaz escrito “Você não está sozinha”. Em novo post, ela escreveu desmentindo o que dissera no vídeo: “Vocês assistiram ao vídeo?”, alegando que foi pressionada pela secretária de Comunicação do Estado, citada como Laice. Em seguida, postou uma foto da sua perna direita com marcas dos golpes que recebeu.

A expectativa é que o vice-governador seja enquadrado na Lei Maria da Penha, que pune atos de violência contra a mulher.

Com informações do Metrópoles

Compartilhe no WhatsApp

Aplicativo do governo melhora interação entre estudantes, famílias e escolas

Previous article

Caldo engrossa para Fábio Vilas-Boas com nota do governo e pressão para sua saída

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.