A RegiãoDestaques

Emasa, Seplan e Siurb analisam integração de projetos

0

A integração de projetos entre a EMASA e as secretarias de Planejamento (Seplan) e Infraestrutura e Urbanismo (Siurb) pautou o encontro, na quarta (11), entre o diretor técnico Fernando Duarte; o gerente de Planejamento, Ângelo Lucena, e o coordenador de Controle e Serviços, da concessionária, Hugo Silva; a secretária de Planejamento, Sônia Fontes; o coordenador de Projeto da Seplan, Rosivaldo Pinheiro; e a responsável pelos pré-projetos, Mariana Dalton.

Os gestores discutiram e analisaram o Projeto de Captação do Esgoto Sanitário em Tempo Seco, que faz parte do Programa Rio Vivo da Emasa, destinado a captar os esgotos em época de estiagem, que são lançados nas galerias de águas pluviais e alcançam o Rio Cachoeira.

“Parte da vazão desse esgoto é fruto de ligações indevidas na rede de drenagem. A Captação em Tempo Seco vai coletar 380 litros de dejetos por segundos, no trecho entre a primeira e a terceira ponte, impedindo que os dejetos sejam lançados no Cachoeira”, explicou Angelo Lucena.

CRÉDIO INTERNACIONAL

Segundo Sônia Fontes, dentro da operação de crédito internacional que o município de Itabuna está prospectando junto ao Fundo Financeiro para o Desenvolvimento da Bacia do Prata (Fonplata), as vias que integram o Projeto de Obras Estruturantes precisam estar dotadas de redes de água e esgoto.

“Vamos realizar um apanhado detalhado de todas as áreas que serão beneficiadas com os recursos provenientes da operação de crédito. Caso alguma das vias não disponha de sistema de saneamento básico, será realizado o projeto para ser implantado”, afirmou a gestora.

com informações da Emasa

Compartilhe no WhatsApp

R$ 2 bilhões do PP no orçamento secreto: mãe de Ciro é maior beneficiada

Previous article

Lula segue líder, Bolsonaro reduz distância e Ciro em 3º, diz pesquisa

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.