DestaquesEconomia

Desemprego em alta, rendimento do brasileiro em baixa com menor nível da década

0

Além do desemprego em alta, atingindo 12,4 milhões de pessoas no País, o trabalhador brasileiro está ganhando, em média, o menor salário da última década. O rendimento médio real foi de R$ 2.444 no trimestre encerrado em novembro (setembro, outubro e novembro).

Esse é o menor nível desde ao menos 2012, início da série histórica disponibilizada pelo IBGE. Houve uma queda de 4,5% frente ao trimestre anterior e de 11,4% em relação ao mesmo trimestre de 2020.

Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua), divulgada nesta sexta (28) pelo IBGE. Para efeitos de comparação, os valores divulgados sobre o rendimento médio consideram a inflação do período.

Ainda segundo o estudo, a taxa de desocupação caiu para 11,6% no trimestre encerrado em novembro, recuo de 1,6 ponto percentual na comparação com o trimestre anterior. Na prática, trata-se de uma redução de 1,5 milhão de pessoas. Isso significa que, mesmo com um aumento na ocupação, as pessoas que estão sendo inseridas no mercado de trabalho ganham menos.

Quem explica é a coordenadora de Trabalho e Rendimento do IBGE, Adriana Beringuy. “Além disso, há o efeito inflacionário, que influencia na queda do rendimento real recebido pelos trabalhadores”, enfatiza. Com alta de 0,73% em dezembro, a inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) fechou 2021 com aumento de 10,06%. Essa é a maior taxa acumulada no ano desde 2015, quando foi de 10,67%.

Com informações do Metrópoles

Compartilhe no WhatsApp

Triste Brasil, onde famílias disputam carne vencida em lixo

Previous article

Prefeito e membro da Amurc reforça luta pela redução do INSS

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.