DestaquesMovimentosPolítica

Contra a fome, por vacina e auxílio de R$ 600, centrais farão ato em Brasília

0

O presidente passeou de moto e sem máscara em um momento grave da pandemia, com custo de R$ 485 mil aos cofres públicos (VEJA AQUI). Na próxima quarta (26), as centrais sindicais e os movimentos sociais vão à Brasília, e não é para passear.

Com todos os cuidados e respeito às normas de prevenção a Covid-19, realizarão um ato presencial em frente ao Congresso Nacional. A manifestação será em defesa do auxílio emergencial de R$ 600,00; contra a fome e a carestia; por vacina no braço e comida no prato.

CTB, CUT, Força Sindical, UGT, Nova Central, CSB, Intersindical, Pública, CSP-Conlutas, CGTB, CONTAG, MST e Frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo mostram que a unidade dos trabalhadores e da sociedade é fundamental nesse momento.

Segundo a organização do evento, o ato será transmitido, ao vivo, pelas redes sociais e Youtube das entidades. Também marcará o lançamento e a entrega da primeira Agenda Legislativa das Centrais Sindicais aos presidentes Arthur Lira (Câmara dos Deputados) e Rodrigo Pacheco (Senado).

A agenda foi construída em conjunto com o DIAP e é, segundo as centrais, uma forma de resistência e atuação propositiva junto ao Congresso Nacional. Nela, tem o posicionamento e propostas do movimento sindical a 23 projetos em tramitação no Congresso Nacional.

Com informações da CTB

Compartilhe no WhatsApp

“E o salário ó”, é bom: de até R$ 7 mil no processo seletivo do Sebrae

Previous article

Na sala de espera, hospital infantil de Ilhéus vive o dilema público X privado

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.