DestaquesPolítica

CGU mostra sobrepreço de R$ 130 milhões na compra de tratores pelo governo

0
O ministro e o presidente

Quase esquecido, o chamado orçamento paralelo do governo Bolsonaro volta ao debate com o novo relatório da Controladoria-Geral da União (CGU) apontando um sobrepreço de até R$ 130 milhões na compra de tratores e máquinas pesadas pelo Ministério do Desenvolvimento Regional.

Segundo informações do Estadão, o valor global da megalicitação feita em dezembro foi de R$ 2,89 bilhões, para a compra de 6.240 equipamentos. O órgão já tinha indicado “risco extremo de sobrepreço” em um convênio do ministério comandado por Rogério Marinho.

Somente na negociação de 1.544 motoniveladores com a XCMG Brasil Indústria Ltda, que custou R$ 1,13 bilhão, foi encontrado um sobrepreço de R$ 101 milhões. O restante foi superfaturado na compra de pás carregadeiras (R$ 14,1 milhões) e de escavadeiras hidráulicas (R$ 14,7 milhões). Deste valor, R$ 15,7 milhões já foram pagos, referente a 20 máquinas que foram entregues aos estados de São Paulo, Pernambuco e Paraíba.

O ministério enviou nota à imprensa explicando que procurou as empresas vencedores da licitação para tentar renegociar os preços, e confirmou a “cobrança maior no valor de R$ 2,9 milhões” na compra de motoniveladores de São Paulo e Pernambuco. Nestes casos, a pasta já teria acordado com a devolução do valor excedente.

 

Compartilhe no WhatsApp

Veja as vagas de empregos do SineBahia para Itabuna

Previous article

Segundo semestre da UESC começa dia 16 com aulas remotas

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.