DestaquesEconomia

Abono salarial do PIS não será pago esse ano, define Codefat

0

Trabalhadores que deveriam receber o abono salarial de 2020, a partir do segundo semestre, só terão acesso ao dinheiro em 2022. A decisão foi tomada pelo Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat), por recomendação da Controladoria-Geral da União.

Também foi aprovada a mudança do calendário de pagamento do Programa de Integração Social (PIS) e do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep). O benefício era pago entre o segundo semestre de cada ano e o primeiro semestre do ano seguinte, obedecendo ao mês de nascimento do trabalhador. Agora, o pagamento só começará no primeiro semestre do exercício fiscal seguinte.

A partir de 2022, o abono será pago sempre no primeiro semestre de cada ano. As datas de pagamento só serão divulgadas no início do próximo ano. De acordo com o Ministério da Economia, a mudança não teve objetivo fiscal. Mas, o adiamento resultará na economia de R$ 7,45 bilhões neste ano.

Tem direito ao benefício o trabalhador com carteira assinada que recebe até dois salários mínimos, esteja há pelo menos cinco anos inscrito no PIS/Pasep e tenha trabalhado pelo menos 30 dias no ano-base. O valor do benefício varia conforme o número de meses trabalhados, atingindo o máximo de um salário mínimo (R$ 1,1 mil) para quem trabalhou os 12 meses no ano-base.

Com informações da Agência Brasil

Compartilhe no WhatsApp

Bom de briga, Galo faz 3×0 no Bahia e impõe terceira derrota seguida ao Tricolor

Previous article

Missão impossível 2022: PDT tenta apoio de Guilherme Boulos a Ciro Gomes

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.