DestaquesMovimentos

STF adia votação sobre FGTS e centrais pedem reunião

0

Previsto para o próximo dia 13, o julgamento sobre a taxa de correção do FGTS foi adiado pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Imediatamente, as principais centrais sindicais do país (CTB, CUT, Força Sindical, UGT, NCST, CSB) pediram audiência com o presidente da Corte, Luiz Fux.

Em nota, as entidades argumentam que a revisão da forma de correção (hoje pela TR) “adquire importância especial neste momento de desemprego, carestia e grave crise econômica”.

Estará em julgamento a Ação Direta de Incontitucionalidade (ADIN) nº 5090, que contesta o uso da Taxa de Referência (TR) como o índice que corrige o saldo do FGTS. O objetivo é mudar para correção pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) ou no Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo Especial (INPCA-E).

O Peleja falou sobre esse assunto em outro momento. Saiba mais revendo a matéria (LEIA AQUI)

A Redação, com informações da CUT e Vermelho

Compartilhe no WhatsApp

Ex-vereadora Charliane inicia trajetória política no PCdoB

Previous article

Em Ilhéus, PT realiza ação de solidariedade

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.