DestaquesMovimentos

Quem salva vidas pedirá socorro em ato pela enfermagem, dia 17

0

Uma categoria majoritariamente feminina (mais de 84%), acostumada a salvar vidas, vai pedir ajuda à sociedade. Será em 17 de maio, com o “Dia Nacional de Luta pela Valorização da Enfermagem”, em São Paulo. Terá uma passeata da Avenida Paulista até a Praça da República.

Não é para menos. A categoria trabalha na pandemia com sobrecarga física, psicológica e emocional, ao ver muito sofrimento e mortes, mesmo acostumada com essa realidade. O pior é que, ao sair do trabalho, vive o medo e a culpa de transmitir o vírus para familiares.

Por isso, luta por valorização profissional. O Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) quer a a votação o Projeto de Lei (PL) 2564/2020, do senador Fabiano Contarato (Rede-ES). Ele cria um piso salarial nacional de R$ 7.315 e jornada de trabalho de 30 horas semanais. Estabelece, ainda, que técnicos de enfermagem recebam, pelo menos, 70% desse valor e, os auxiliares de enfermagem e parteiras, 50%.

O ato é organizado pelo Fórum Nacional de Enfermagem, com apoio de entidades, profissionais do setor, simpatizantes, profissionais das demais categorias da saúde e entidades representativas, além do Conselho Federal de Enfermagem (Cofen).

Com informações do Cofen

Compartilhe no WhatsApp

Educação é importante e as universidades sem dinheiro? Reitora da UFSB lamenta

Previous article

Trocaria 58 milhões de doses de vacina por tratores superfaturados? Bolsonaro trocou

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.